Conheça os 5 principais erros de gestão financeira e como evitá-los!

A gestão financeira de um negócio nem sempre está entre as prioridades dos empreendedores. Afinal de contas, trata-se de um controle que demanda tempo e esforço e que, muitas vezes, pode afastá-lo do objetivo principal do seu negócio. 

O problema é que os erros de gerir financeiramente um negócio podem afetar de forma definitiva a saúde da empresa. Mas, não se preocupe: é possível evitá-los. 

Geralmente, os erros estão escondidos em hábitos ruins que adquirimos no dia a dia e que, com um pouco de atenção e cuidado, podem ser contornados.

Veja abaixo os 5 principais erros de gestão financeira e saiba como você pode, e deve, evitá-los:

1. Misturar finanças pessoais e corporativas

Pequenos e médios negócios sofrem com este hábito. Muitas vezes, o empreendedor mistura as finanças domésticas com as do negócio, financiando projetos com recursos do próprio bolso ou utilizando o cartão corporativo para pagar despesas pessoais.

O problema é que as finanças corporativas estão diretamente ligadas à saúde financeira do negócio e qualquer desvio pode comprometer o fluxo de caixa da empresa. 

Portanto, por mais que você seja proprietário, o ideal é manter contas separadas e usar os recursos de forma correta e responsável.

Estabeleça um limite para seus gastos pessoais e faça as retiradas da empresa como pro labore ou distribuição dos lucros, quando possível. 

2. Falta de visão de futuro

Visão de futuro é o que demonstra a ambição do empresário e dá a medida correta do quanto a empresa poderá crescer.

Para se estabelecer uma visão ao mesmo tempo realista e ambiciosa, é preciso que ela esteja em consonância com o seu planejamento estratégico. 

É importante definir com clareza qual é o propósito do negócio, o porquê de sua existência, o que motiva o empreendedor e seu time a dedicar esforços para atingir metas e objetivos financeiros. 

Comece pelo porquê! 

3. Perda de controle do estoque

Uma das maiores causadoras de aumento nos custos operacionais é a má gestão de estoque. Esta prática leva a empresa a comprar mais do que o necessário, ou vender para o cliente algo que não está estocado. Assim, é preciso fazer pedidos em pequenos lotes, o que onera o valor da mercadoria.

Neste caso, você pode contar com a tecnologia dos programas de gestão, que ajudam a gerenciar esta área.

4. Não conhecer os custos de produção

Tanto o seu produto quanto o seu serviço têm um preço de custo, baseado naquilo que é necessário para fornecê-lo. Conhecer os custos ajuda a precificar melhor as suas soluções e faz com que a sua margem de lucro seja sempre adequada.

Os custos de produção devem ser revisados constantemente, para que você tenha sempre os valores mais atualizados possível.

Não abra mão do lucro! A empresa precisa dele para crescer e honrar seus compromissos. 

Veja também:
Como aumentar a lucratividade do meu negócio?

Uma boa opção de leitura para entender a importância do lucro é o livro Lucro Primeiro, de Mike Michalowicz. Ele traz uma abordagem diferente sobre a fórmula de cálculo do lucro, vale a pena a leitura. 

5. Ausência de controle do fluxo de caixa

O controle do fluxo de caixa é fundamental para a sua empresa. Por meio dele você consegue gerir toda entrada e saída de recursos, tendo uma noção exata da saúde financeira do seu negócio.

Muitos empreendedores desistem de controlar o fluxo de caixa por acharem o processo muito trabalhoso. Mas, atualmente, existem inúmeros softwares que permitem fazer o controle online, por meio do seu celular ou tablet, de forma bastante simplificada. 

Experimente baixar alguns deles e veja qual se adapta melhor às suas necessidades.

Se você se interessou pelas soluções de fluxo de caixa e já sabe como evitar os erros de gestão financeira, então aproveite para ler mais sobre o assunto!

E também não deixe de pesquisar sobre o restante das ideias propostas para evitar cometer erros que podem ser muito prejudiciais para a saúde financeira do seu negócio.

Controlar as finanças não é tarefa simples, porém com planejamento, dedicação e estratégia  é possível realizar um excelente trabalho e fazer o negócio crescer!

Deixar uma Resposta

Navegar